domingo, 29 de novembro de 2009

Eleições DCE-USP, falência da Esquerda e o Fascismo: Resultados [Update]

Pin It
Me chega por e-mail o provável resultado das eleições para o DCE da USP. Eis que ao menos tivemos uma boa notícia, a Chapa Fascista conhecida como "Reconquista" perdeu para a chapa comandada pelo PSOL por uma diferença de 55 votos.

Os resultados finais foram:

"Pra transformar o tédio em melodia" (Romper o Dia[PSOL] e independentes) -2500
"Reconquista" (direita antigreve) - 2445
"Nada será como antes" (PSTU) - 1868
"Todo Carnaval tem seu fim" (PCB) - 1608 (outras fonte dão 1602 votos)
"Poder Estudantil" (MNN e POR) - 389 (outras fonte dão 390 votos)
"Respeitável Público!" (alguns estudantes da EACH) - 171 (outras fonte dão 172 votos)
"Amanhã vai ser outro dia" (PT e PCdoB) - 109 (outras fonte dão 121 votos)
"AJR" (PCO) - 50 (outras fonte dão 49 votos)

Brancos - 41 votos 
Nulos - 126 votos


O resultado, ainda que favorável à democracia Uspiana, demonstra a completa fragmentação das esquerdas e o fortalecimento da direita fascista, ligada ao Tucanato, aos Democratas e anti movimentos de apóio às reivindicações legítimas dos trabalhadores da USP e estudantes.

Pipocaram denúncias de fraudes, de violação de urnas, especialmente me São Carlos, mas no fim a contagem e recontagem foram feitas e o resultado final coloca um ponto final na tentativa da direita de tomar a USP.

Aguarda-se agora apenas o anuncio oficial da chapa vencedora.

---------------------------
Cabe um adendo: Em momento algum defendi ou defendo fraudes para se vencer uma eleição. Este modus operandi, aliás, é típico da USJ/PCdoB e eu mesmo já fui vítima deste tipo de tática stalinista.

A situação da USP é terrível, de um lado a possível fraude - negada pela chapa vencedora - e do outro a possibilidade de fascistas ganharem as eleições e tornarem o ambiente Uspiano ainda mais inaceitável.

Ambas as escolhas são péssimas. Fraude e sectarismo estúpido da Esquerda versus chapa fascista entreguista.
------
Comentários
10 Comentários

10 comentários:

Anônimo disse...

A esquerda vai cair de podre depois das urnas anuladas, urnas roubadas, urnas não impugnadas...rs..

A esquerda pode até sair vitoriosa da reunião de CAs que vai decidir sobre a eleição; mas vai perder mais credibilidade entre os estudantes da USP.

Um monte de gente vai falar que a eleição foi roubada e isso vai ajudar muito a causa...rs.

Anônimo disse...

Essa eleição foi fraudulenta a anti-democrática!
A esquerda radical está ruindo na USP e estamos vendo ações desesperadas dessas minorias para se manter no poder. Foi uma vergonha o que aconteceu com as urnas violadas! As eleições tem que ser anuladas!!! FORA ESQUERDA RADICAL!!! FORA PARTIDOS POLITICOS!!! Quero uma chapa que represente verdadeiramente os pensamentos da comunidade da USP!! Os comentários do blogsta me dão nojo e mostram como algumas pessoas ou são cegas ou tem interesses políticos por trás de suas falas...

Anônimo disse...

Não dá mesmo pra levar a sério um cara desses.
Sou a favor de uma chapa que me represente e que represente as aspirações de toda a comunidade de estudantes da USP.

Acredito sim na importância de nos posicionarmos e reivindicarmos por políticas governamentais mais efetivas na área da educação.

No que eu definitivamente não acredito é que isso pode um dia ser conseguido com baderna e insanidade por parte de gente que não quer brigar por uma universidade melhor, mas sim por uma vaga e por uma parcela de prestígio num partido político, QUALQUER QUE ELE SEJA.

Anônimo disse...

Viva o preconceito ! viva causa operária !
viva a fraude! viva os partidos !
abaixo aos direitos dos estudantes !
abaixo a democracia !
abaixo a civilidade !
viva o dce da usp e aqueles que transformaram o escárnio em patifaria!

Hugo Albuquerque disse...

Pois é, que merda, hein, meu velho? Acho que essa eleição é um divisor de águas. Postei sobre a questão lá n'O Descurvo pegando o gancho do que você e o João escreveram e parece que eu não me enganei. De uma vez por todas: O modelo partidário-vanguardista tem de ser derrubado pela própria esquerda tão logo.

Raphael Tsavkko Garcia disse...

O modelo está superado, a esquerda sectária deve ser superada, enfim, o sectarismo. Seu post é referência, assim como o do João. É o retrato do sectarismo e esvaziamento total da política universitária.

Dê uma olhada na votação, nem 10 mil votos num universo de quantos? 30 mil, 40 mil alunos ou MUITO mais?

Ninguém se importa mais, se ganha algum sectário ou a direita. A situação está péssima!

Anônimo disse...

Essa eleição foi uma fraude.
Mais uma vez a esquerda que se diz tão defensora da democracia no ambiente USPiano apelou para a violação das urnas de modo a manipular os resultados.
Mais uma vez uma minoria revolucionária se auto-nomeia representante dos alunos da USP quando, mais do que nunca, ela não representa quase ninguém.

É é por essas e outras que continuo a dizer: O DCE não me representa!

João Villaverde disse...

Demorei para ler os posts, Raphael. Mas eles são certeiros, principalmente seu comentário aqui: "Dê uma olhada na votação, nem 10 mil votos num universo de quantos? 30 mil, 40 mil alunos ou MUITO mais? Ninguém se importa mais, se ganha algum sectário ou a direita. A situação está péssima!

Ninguém se importa mais com nada. Só falta esse pessoal que cria um chororô entre a esquerda não vê que essa disputa está superada. Tanto faz tanto fez.

Abração

Raphael Tsavkko Garcia disse...

É a direita que acha que vai dominar o mundo se consegur 5 mil votos e vencer e a esuqerda que frauda para vencer isto... Os dois lados são ridículos.

AF STURT disse...

Será que não é melhor subistituir eleiçõeis por um conselho "sovietes",com poder paras as bases?

Postar um comentário