segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Como desmontar o (des)governo Serra/Kassab em uma reportagem

Pin It
Chico Pinheiro chutou o pau da barraca.

Em uma única reportagem durante o SPTV do dia 11 de Dezembro, desmontou por completo a farsa do (des)governo Serra/Kassab e mostrou a realidade de são Paulo. Uma cidade abandonada por seus políticos que estão mais interessados em elevar seus salários e propagandear obras ilusórias do que realmente tirar o povo da merda - literalmente.

Em 25 minutos Chico Pinheiro não poupou críticas ao governo e à elite paulistana branca, racista e preconceituosa. Foi um show como poucas vezes pudemos acompanhar pela TV desta própria elite, a Globo.




Será que a Globo manterá online este vídeo por muito tempo? Ou melhor, será que a Globo manterá Chico Pinheiro ativo depois dessa?
Copio do Acerto de Contas:
"A TV Globo sempre é acusada de fazer jornalismo parcial e comprometido com setores mais conservadores da política brasileira, em especial com os tucanos paulistas.
Mas nem todo mundo é assim.
Na sexta-feira passada o jornalista Chico Pinheiro, um dos mais respeitados âncoras da TV brasileira, deixou o estúdio da Globo em SP e foi apresentar o maior jornal local, o SP TV, no meio de um pântano que virou a Zona Leste de São Paulo com as chuvas da semana passada.
Chico Pinheiro, visivelmente indignado, resolveu detonar sem piedade a Sabesp, comandada pelo Governo tucano e a elite paulista: “aqui não existe Fashion Week, mas as pessoas vivem esse drama”.
Pinheiro mostrou que, quando se quer, ainda é possível fazer jornalismo de qualidade, cobrando os responsáveis.
Foram 25 minutos de pancadaria pura, como não se via há tempos."
------
Comentários
8 Comentários

8 comentários:

Marcelo Delfino disse...

Pombas, amigo Tsavkko. Decida-se logo de uma vez: a Globo é do PiG ou NÃO É do PiG. Aguardo resposta. Abraços.

Raphael Tsavkko Garcia disse...

Em momento algum elogiei a Globo e sim o Chico Pinheiro que fez uma reportagem de verdade. A Globo é ponta de lança do PIG, indiscutível.

AF STURT disse...

Mas ate que ponto a matéria não é um fator favoravel a privatização do estado(empresas estatais)?

Carlinhos Medeiros disse...

Pessoal, não nos iludamos. Chico Pinheiro é pau mandado da famiglia Marinho. Não tem nada de jornalismo responsável, como frizou nosso companheiro Tsavkko. Temos que observar os interesses, pois por trás das matérias da Globo existem interesses muito além do que nossa vã e ingênua filosofia possa supor. Eu creio que a ideia é detonar Chico para benficiar Aécio, alguém duvida?

Carlinhos Medeiros disse...

Perdão: Chico leia-se José!

Raphael Tsavkko Garcia disse...

Carlinhos, não me engano com o Chico Pinheiro no geral, mas não posso negar que NESTA reportagem, ele foi direto.

Eu nem duvido da sua teoria, o Sera cada vez mais afunda e o Aécio parece ser um nome mais viável, mas foi uma reportagem memorável que tocou direto em muitas feridas.

Marco Mugnatto disse...

Desculpem amigos mas não tem como dar razão pra áreas de invasão. A culpa foi do governo? Foi fim: daquele governo que aceitou a invasão e adicionou elementos de urbanização, incentivando a invasão. Que governo foi esse eu não sei, mas pra mim foi este governo o culpado. Na minha opinião quem invadiu pediu tais consequencias. E o pior é que se houver iniciativa de transferir para outros lugares esse povo não vai querer sair...

Raphael Tsavkko Garcia disse...

Desculpe você, se o povo invadiu é porque existe uma política de higienização no resto da cidade que os impede de encontrar moradia, ou ocê acha que eles moram por lá porque gostam, porque querem? Acha que não preferiam morar em local seguro e com boas condições de vida?

Colocar a culpa no pobre é sempre o mais fácil, e só o que o DemoTucanato faz.

E, se era tão ilegal a área porque o governo criou uma estrutura inteira no entorno, como CEU e conjunto habitacional da Caixa?

Só pra ganhar voto, não?

Postar um comentário