Tsavkko Garcia, Raphael
Publication year: 2018

A rede social Tumblr anunciou que, a partir de 17 de dezembro, banirá todo conteúdo NSFW de sua plataforma. Negando a antiga máxima de que “a internet serve para postar pornografia”, o site eliminará posts com conteúdo erótico e aplicará duras censuradas às páginas marcadas como explícitas – que aparentemente não poderão mais ser atualizadas com conteúdo sexual.

A decisão do CEO do Tumblr, Jeff D’Onofrio , vem logo após o aplicativo oficial do site ter sido removido do ar pela Apple com a acusação de hospedar conteúdo ligado à pedofilia. Em vez de resolver este problema, os donos da companhia resolveram eliminar qualquer conteúdo impróprio para menores, o que inclui cenas de sexo explícito, nudez ou os polêmicos mamilos femininos.

É claro que não faltam sites que hospedam conteúdo adulto na internet, mas nenhum criou uma cultura tão forte quanto o Tumblr, onde anonimamente qualquer um poderia dar vazão às próprias fantasias. Como apontou no Twitter a artista Shelby Aranyi, “o impacto cultural de destruir o Tumblr irá ser realmente interessante: Estamos vendo o apagamento em massa das identidades de pessoas, destruição de safe spaces de muitas comunidades sub-representadas, a destruição de micro economias. Um nível real de WTF que só lemos nos livros de história.”

Parece irônico, mas de fato o Tumblr é o refúgio de muita gente cujos fetiches não são mainstream, cujos gostos não são dominantes e que encontram um refúgio no site. Ou encontravam.

Texto completo no site da Vice. Publicado em 04/12/2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.